Pilar Competitivo- Treino Foto: Davi Oliveira

Tivemos um encontro incrível, no dia 12 de setembro, entre os alunos-atletas das categorias sub12 e sub13 do Pilar Competitivo, a delegada técnica Fátima Aparecida da Silva e as arbitras Fabiana Perozin e Flavia Silva.

A aula teve como objetivo aprofundar ainda mais o conhecimento dos nossos alunos e preparar as equipes para o inicio do Campeonato Paulista, programado para primeira semana de outubro. Os alunos aprenderam ainda mais sobre as regras do basquetebol e após a aula teórica, eles jogaram simulando uma partida oficial, apitada por elas, seguindo todas as regras da FPB. Foi uma grande honra receber e aprender com essas profissionais incríveis!

Além desse treino super especial, realizamos 78 treinos presenciais com as categorias sub12 à sub16 e mais equipe de transição.  Toda dedicação e energia dos nossos alunos-atletas em quadra, é uma grande motivação para todo nosso time!

Publicado em: 5 de outubro de 2021

Os conteúdos de aprendizagem estão organizados no currículo Superação, formado por uma matriz de competências esportivas e socioemocionais do programa, com metas para cada faixa etária e nível de aprendizagem. O currículo também é um guia para o sistema de monitoramento e avaliação, pois oferece parâmetros para acompanhar integralmente cada aluno-atleta.

Queremos garantir que a prática esportiva oferecida seja segura, do ponto de vista físico, psicológico e social. A premissa básica para criar esse ambiente esportivo é o valor-chave SUPERAÇÃO – fazer o seu melhor. Para nós, superar a si próprio é o ideal de sucesso.

Aqui, integramos os princípios didático-pedagógicos do programa para que, ao mesmo tempo que os alunos-atletas aprendem uma modalidade esportiva, também sejam estimulados a desenvolver suas competências socioemocionais. O tratamento que damos à prática esportiva é baseado nos avanços da pedagogia do esporte e da neuroaprendizagem, derivada das descobertas da neurociência aplicada à educação. A prática regular de atividades esportivas está positivamente relacionada ao desenvolvimento das funções executivas do cérebro – autocontrole, memória de trabalho e flexibilidade cognitiva.

Todas as estratégias anteriores culminam no nosso desejo de ver os alunos-atletas transferindo os aprendizados para outras esferas de suas vidas. Nossa expectativa é identificar repercussões positivas na sua vida fora do programa; no círculo familiar, contribuindo com a construção de vínculos e relações familiares positivas; e na escola, incentivando o bom aproveitamento escolar. Com o Passaporte Superação, o aluno pode acompanhar seu processo e concretizar seus resultados.